5 de agosto

Dores lombares e sua ligação com os quadris

O Foam Roller pode melhorar a mobilidade dos seus quadris e diminuir suas dores lombares

Em muitos casos, a falta de mobilidade do quadril pode acarretar uma lombalgia. Fica fácil reconhecer o motivo quando passamos a entender que os quadris são designados para mobilidade, enquanto a coluna lombar tem função de estabilidade. Porém, se os quadris tornam-se cada vez mais rígidos, a lombar (que é uma articulação estável conectada a eles) fica obrigada a se movimentar, tornando-se assim menos estável e, consequentemente, dolorosa.

É justamente isso que nos explica Michael Boyle, em sua obra Avanços no Treinamento Funcional. “É preciso perceber que o quadril e a coluna lombar estão ligados. Quando falamos de quadril, falamos de coluna lombar; quando falamos de coluna lombar, falamos de quadril. Não podemos pensar em um, sem considerar o outro. A verdade é que trabalhamos o quadril para proteger a coluna, quando o quadril não atua de modo adequado e não se movimenta da maneira que precisamos, ativa ou passivamente, vamos ter movimento espinhal e, por conseguinte, problemas espinhais. A solução para a dor lombar não está na coluna, mas sim nos quadris”, conclui Boyle, que relembra. “A auto liberação miofascial com o Foam Roller na região dos piriformes e iliopsoas tende a melhorar nossa mobilidade de quadril, contribuindo para a diminuição das dores lombares.”

Para saber mais sobre o assunto, recomendamos o livro Avanços no Treinamento Funcional, de Michael Boyle.

Abaixo, você assiste ao vídeo específico sobre a auto liberação miofascial dos periformes com o Foam Roller Brasil.

Clique no link e saiba mais sobre o Método ALM.

Compartilhar
  •  
  •  
  •  
banner, Matérias

Comentar

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *